quarta-feira, 29 de maio de 2013

Trens bala vão unir Moscou a Sochi e a Kazan

29/05/2013 - Diário da Rússia

Presidência da Rússia quer construir ferrovias de alta velocidade

O Presidente Vladimir Putin determinou a elaboração de um projeto detalhado de construção de ferrovias de alta velocidade para o transporte de passageiros entre as cidades de Moscou e Kazan e Moscou e Sochi.

Durante uma reunião sobre perspectivas de desenvolvimento de ferrovias de alta velocidade no país, realizada na segunda-feira, 27, o chefe de Estado russo exigiu a criação de uma rede ferroviária realmente eficiente na Rússia, com preços de passagem acessíveis.

Nas palavras de Putin, a atual velocidade de transporte de passageiros e principalmente de cargas via trens no país é praticamente igual à alcançada na União Soviética no final dos anos 1980. Frente a isso, o presidente russo quer construir novas ferrovias modernas, aumentar a velocidade dos trens e otimizar o funcionamento de linhas já existentes.

Segundo informou o jornal "Rossiyskaya Gazeta", o primeiro trecho de ferrovia de alta velocidade a ser inaugurado na Rússia em 2017 deverá ligar as cidades de Moscou e São Petersburgo. O projeto prevê que o trajeto possa ser completado em até 2 horas e 30 minutos, em trens que deverão viajar a até 400 quilômetros por hora. Atualmente, o trem mais rápido ligando as duas cidades consegue percorrer esse trajeto em no mínimo 4 horas e meia. (www.facebook.com/nf365)

Fonte: Diário da Rússia 

Nenhum comentário:

Postar um comentário